A Ucrânia está utilizando financiamento coletivo para arrecadar recursos financeiros rapidamente para comprar equipamentos militares e resistir à invasão da Rússia. As iniciativas de crowdfunding são realizadas por instituições sem fins lucrativos e até pelo governo ucraniano.

A fundação ucraniana Come Back Alive conseguiu arrecadar US$ 4 milhões em criptomoeadas até a última sexta-feira (26). A organização atua nesse tipo de arrecadação desde 2014, quando a Rússia anexou a Crimeia.

O próprio governo da Ucrânia também lançou uma iniciativa oficial de crowdfunding para financiar ações de logística e auxílio médico para as forças armadas do país. O financiamento coletivo recebe dólares, euros, rublos e outras moedas nacionais, mas não aceita criptoativos por questões legais.

A arrecadação de recursos para ajudar os ucranianos estão sendo divulgadas nas redes sociais pelos russos que são contra a guerra e protestam contra o Kremlin. A Rússia já prendeu cerca de 4 mil protestantes contra a invasão, segundo Organização das Nações Unidas (ONU).

Força militar desproporcional

(Fonte: Unsplash/Ehimetalor Akhere Unuabona/Reprodução)(Fonte: Unsplash/Ehimetalor Akhere Unuabona/Reprodução)Fonte:  Unsplash/Ehimetalor Akhere Unuabona/Reprodução 

A ajuda pelo crowdfunding não deve modificar o equilíbrio da guerra. O orçamento anual de defesa da Ucrânia é de US$ 6 bilhões (R$ 31 milhões), cerca de 10% do investimento militar russo, de acordo com o Instituto de Pesquisa para Paz de Estocolmo.

Moscou dispõe de cerca de 900 mil soldados ativos e dois milhões de reservistas, enquanto Kiev conta com apenas 195 mil soldados e aproximadamente 900 mil reservistas, segundo Instituto Internacional de Estudos Estratégicos (IIEE).

Além de dezenas de bases de lançamentos de mísseis balísticos com capacidade nuclear, o exército russo tem 13 mil tanques de guerra, 6 mil peças de artilharia e 20 mil veículos armados, conforme o IEE. A marinha do país conta com mais de 600 navios de guerra, inclusive porta-aviões e submarinos. No ar, a Rússia tem mais 4 mil aviões, incluindo 772 caças.

Por outro lado, a Ucrânia conta com 2 mil tanques de guerra, quase 2 mil peças de artilharia e cerca de 3 mil veículos armados. Os ucranianos possuem 146 aviões de guerra e 38 navios, sem contar com porta-aviões e submarinos.



TecMundo