A Microsoft aprovou uma nova marca d’água que indica um dispositivo não suportado para receber o Windows 11, uma vez que é possível instalar a nova versão do sistema operacional mesmo sem ter os requisitos mínimos, bastando usar o Editor de Registro. Embora a empresa esteja ciente da solução e não tenha anunciado que vá interrompê-la, a marca d’água deixa claro que um dispositivo contornou as exigências para o Windows 11.

A Microsoft já vinha testando a novidade com os Windows Insiders desde fevereiro, e parece que agora a aprovou para a versão Release to Manufacturing (RTM), ou seja, a versão que será distribuída para os fabricantes. A companhia não recomenda utilizar o novo sistema em um dispositivo cujo sistema seja incompatível com os requisitos mínimos, e aconselha os usuários a atualizarem seu hardware caso seja necessário.

Marca d'água informa que requisitos do sistema não foram atendidosMarca d’água informa que requisitos do sistema não foram atendidosFonte:  Windows Latest 

A marca d’água informa que os “Requisitos do sistema não foram atendidos” e aparece logo acima do relógio do sistema. Ao clicar, a mensagem envia os usuários para a página de configurações, que possui um alerta sobre possíveis danos e inclui um link para o site da Microsoft. Felizmente, a marca aparece somente na área de trabalho e não afeta o funcionamento dos aplicativos.



TecMundo