Google está expandido um novo recurso do Google Assistente que avisa os usuários que as senhas armazenadas e utilizadas em contas cadastradas apareceram em bases de dados vazadas ou invasões de sistemas.

Essa novidade foi anunciada ainda em 2021 e, nos meses seguintes, alguns grupos de usuários receberam acesso ao recurso. Agora, a expansão foi ainda maior e mais pessoas terão acesso ao recado. Vale lembrar, entretanto, que ele só funciona a partir de senhas salvas por você no navegador Google Chrome.

Como mostram as imagens acima, postadas pelo especialista em vazamentos Max Weinbach, o funcionamento é bastante simples. Quando o sistema encontra uma senha que foi encontrada em vazamentos, o Google Assistente exibe uma janela pop-up com o alerta e também um atalho para que você faça a troca do código de acesso imediatamente. A varredura e a comunicação são de responsabilidade do Google Duplex, a estrutura de Inteligência Artificial e comunicação da empresa.

Há só um porém nessa novidade: nem todos os links conseguem direcionar você até a configuração do cadastro em todos os sites, o que significa que em alguns casos você precisa ir manualmente até as páginas.

Usuários que ainda não ganharam acesso ao recurso devem aguardar para novas expansões do programa ou acessar as configurações do Chrome para realizar a checagem manual das senhas.





TecMundo