Joel Schumacher, diretor de ‘Batman & Robin’ e ‘Os garotos perdidos’, morre aos 80 anos | Cinema

Joel Schumacher, diretor de ‘Batman & Robin’ e ‘Os garotos perdidos’, morre aos 80 anos | Cinema


Joel Schumacher, diretor de filmes como “Os garotos perdidos” (1987) e “Batman & Robin” (1997) morreu nesta segunda-feira (22) aos 80 anos, em Nova York. Ele lutava contra o câncer há cerca de um ano.

De acordo com o site da revista “Hollywood Reporter”, o anúncio foi feito por um representante.

Nascido em Nova York, o cineasta começou sua carreira na moda, até começar a trabalhar como figurinista em “O Dorminhoco” (1973), de Woody Allen.

Seu primeiro roteiro foi para o musical “Sparkle” (1976). Schumacher assumiu a cadeira de diretor em “A incrível mulher que encolheu” (1981), com Lily Tomlin.

Além do filme sobre jovens vampiros, que assumiu após Richard Donner deixar o projeto, o americano dirigiu também “O primeiro ano do resto de nossas vidas” (1985), “Linha mortal” (1990), “Um dia de fúria” (1993) e “O cliente” (1993).

Em 1995, se tornou o responsável pela série de filmes do Batman, iniciada por Tim Burton.

Depois do sucesso de “Batman Eternamente”, que conseguiu a maior bilheteria no fim de semana de estreia até então, foi criticado por “Batman & Robin” (1997), pelo qual se desculpou diversas vezes ao longo do anos.



Todos os direitos reservados a fonte

Deixe uma resposta

Fechar Menu